quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

É ele (Série Agridoce - I)

Ilustração: Viria13 DeviantArt
É ele quem me deixa de riso frouxo e coração acelerado. Ele quem me desequilibra e me ampara, rasga minha roupa e me veste de amor.  É ele quem bagunça meus cabelos e minha razão, é ele quem me abraça e me aperta. Só ele me pega de jeito, pela cintura e pelo coração.

(Karla Thayse Mendes – 01/02/12)

6 comentários:

  1. Queridos, ando numa correria esses ultimos dias mas prometo que responderei com o maior prazer todos os comentários anteriores.

    Tenham um lindo final de semana,

    Beijo meu

    ResponderExcluir
  2. Coisa linda, Flor !
    ótimo final de semana para ti também.!
    beijoos :*

    ResponderExcluir
  3. Perfeito! Lindo fim de semana pra vc tb Flor!
    Um beijo..

    ResponderExcluir
  4. Karla, muito lindo seu blog, já estou seguindo. Venha conhecer o meu também.
    Bjo no coração


    http://umcantonocoracao.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Oi, Ka, boa noite!!
    Há uma sensação muito doce neste primeiro texto da série agridoce... Os sintomas dessa febre chamada aqui simplesmente de "ele" são delicados, comprometedoramente românticos, encantadoramente poéticos. Ah, sim! E tentadoramente ousados... Essa pitada de fervor ao mesmo tempo meigo e sensual fechou o texto com uma chave ou de ouro, ou de sonho - o que, para leitores ávidos, dá no mesmo...
    Maravilhoso
    Um beijo carinhoso, poetisa
    Doces sonhos
    Leo

    ResponderExcluir
  6. O melhor de tudo, suas palavras me fizeram reviver, (re)sentir.. lindo, lindo.

    ResponderExcluir

"Soltava sorrisos ao vento e ouvia: Uma hora eles voltam pra você." [Vanessa Leonardi]