terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Desmatamento...

Ilustração: Lesja Chernish
Restou esse chão árido e vazio aqui desde o dia em que você resolveu acelerar aquele trator e devastar a plantação de rosas vermelhas que havia no meu jardim.

(Karla Thayse Mendes - 11/11/11)

4 comentários:

  1. É melhor que leve do que deixe sem cuidar.

    ResponderExcluir
  2. Oi, karla, boa tarde!!
    Com alguma razão diremos que a vida é um ir e vir constante, que se intercala independente do que queiramos sentir ou possamos prever. Dessa forma, está nosso jardim, assim, árido e terraplanado, onde só há pétalas esmigalhadas do que já foram flores. Contudo, o terreno a que chamamos árido talvez não seja mais que um terreno pronto, pois as flores dependem menos do terreno que das sementes que deixamos cair. Já vi flores nascerem de vãos no asfalto... O ir da vida passou, mas resta o vir. Semeemos!
    Um beijo carinhoso
    Doces sonhos
    Leo

    ResponderExcluir

"Soltava sorrisos ao vento e ouvia: Uma hora eles voltam pra você." [Vanessa Leonardi]