segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Das mentiras que as fadas contam...

Ilustração: Duda Dase
A princesa acreditava nos sapos, beijava os sapos, entregava o coração aos sapos, amava os sapos e colocava até coroa na cabeça dos sapos... Mas eles nunca viravam príncipes. 

(Karla Thayse Mendes – 11/11/11)

6 comentários:

  1. Devem ter príncipes com cara de sapo. Só pode! rs

    ResponderExcluir
  2. rsrsrsrs... e o pior é quando, mesmo sabendo disso, continuava a procurar os principes nos sapos... bjs minha querida!

    ResponderExcluir
  3. Talvez o amor não seja mágica, mas conquista.

    ResponderExcluir
  4. Oi, Karla, boa noite!!
    Bom seria se a princesa sofresse em sua vida duas mudanças essenciais: uma, que percebesse sua ilusão, e se resolvesse a parar de beijar sapos... outra: que, passando a beijar príncipes, beijasse um príncipe que permanecesse príncipe!
    Pois se o conto que afirma que sapos virem príncipes nunca tenha se mostrado a ela como mais que um conto, a história de que muitos príncipes se tornam depois sapos está bem mais perto de mostrar-se possível e triste realidade...
    Um beijo carinhoso
    Leo

    ResponderExcluir

"Soltava sorrisos ao vento e ouvia: Uma hora eles voltam pra você." [Vanessa Leonardi]