quinta-feira, 30 de abril de 2009

Moça bonita...

Ilustração: Dudadase
Banhou-se nas águas da chuva, enxugou-se no sopro do vento e vestiu um pedaço de nuvem. Perfumou-se com a essência de um jasmim, calçou um trevo de quarto folhas em cada pé e fez um laço com um raio de sol pra enfeitar os cabelos. Passeou por aí fazendo o mundo sorrir ... passarinho a olhar quis logo se apaixonar, pousou e assoviou uma linda canção de amor. Moça bonita dançou e o céu parou pra olhar.

(Karla Thayse Mendes - 23/04/09)

quarta-feira, 22 de abril de 2009

Abraço de algodão...

Ilustração: Irisz Agocs
Um dia desses ela engoliu um cacto e chorou espinhos , um choro verde e seco. Triste e só, ninguém queria abraça-la, ninguém queria tocá-la. Seu abraço feria, seu toque machucava. E quando ela engoliu um maço de algodão , sorriu tufinhos brancos, um riso macio e fofo. Abraçou o mundo todo, um abraço desses largos de algodão, desses que dá vontade de fechar os olhos e dormir abraçadinho. E o mundo todo coube ali, dentro dos seus braços, pertinho do seu coração.

(Karla Thayse Mendes - 20/04/09)

domingo, 12 de abril de 2009

A música que há em nós...

Ilustração: Dudadase
Porque a música está em todas as coisas... no balanço das ondas do mar, no canto de um sabiá. Canta de manhã cedinho o sopro do vento, fazendo a roseira dançar. Tem música na gargalhada do menino e na buzina do carrinho de picolé. A chuva canta caindo e canta chorando ou sorrindo o coração de mulher. A nota que me toca é você e eu me encho de rimas e melodias todos os dias ao te ver. Porque quando me beija, ouço tudo em maior e quando me deixa canto Mi Fá Só... Tem de mim benzinho, tem . Canta comigo que eu canto contigo numa cantiga . E quando a música terminar, que os corações cantem por nós... que meu tum-tum e o seu tum-tum formem juntos uma só voz.

(Karla Thayse Mendes - 09/04/09)