sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

Umas tranças...

Ilustração: Dudadase
E naquela tarde florida de primavera meus olhos renderam-se a duas tranças douradas que saltitavam pelo jardim. Aquela menina trançou-me em seus cabelos e amarrou-me com dois laços de fita rosa nas pontas. O cheiro daqueles fiozinhos loiros afagou os meus sentidos de tal forma que eu só via, respirava, sentia e tocava aquelas tranças. E todos os dais eu me perco nas curvas daqueles cabelos clarinhos como o sol da manhã mais bonita.

(Karla Thayse Mendes - 12/02/09)

Um comentário:

"Soltava sorrisos ao vento e ouvia: Uma hora eles voltam pra você." [Vanessa Leonardi]