quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

O Menino pescador...

Ilustração: Irisz Agocs
A jangada saiu de manhã bem cedinho. No meio do Mar, onde um fio de águas atravessa o horizonte, o Menino pescador jogou sua rede. Um risco de Sol já tocava seu rosto e a Brisa travessa soprou um carinho, fazendo voar seu chapéu pra bem longe. Esperou enquanto cantarolava uma canção com um Pássaro azul. E quando sentiu pesarem os braços, encheu o peito e puxou com força. Não veio peixe de lá... o Mar mandou seu tesouro maior. E não é de tesouros perdidos de piratas que eu falo. A rede do Menino veio cheia de paz, a paz que habita o silêncio dos mares. Então ele colocou tudo na sacola de couro e distribuiu mundo afora.

(Esta é uma história baseada em sonhos reais. E não é conversa de pescador não... pode perguntar ao Cavalo marinho, ele estava lá.)

(Karla Thayse Mendes - 15/01/09)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"Soltava sorrisos ao vento e ouvia: Uma hora eles voltam pra você." [Vanessa Leonardi]