quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

Gotas de Chuva no telhado...

Ilustração: Irisz Agocs
A Chuva que cantou a noite passada no meu telhado veio me falar em versos e rimas que tristeza de menina faz o céu todinho chorar e o Pinguinho que passou pela goteira segurou firme a minha mão e me ensinou que toda dor passa. Se as águas tudo podem lavar, oh querida Chuva eu te peço, limpa em mim toda réstia de agonia, lava essa crosta que cobre meu coração e me ensina o amor. Faz chover de mim gotas de felicidade, pra meu sorriso escondido poder sair de trás das minhas cortinas cinzentas.

(Karla Thayse Mendes - 15/01/09)

2 comentários:

  1. Procurei abrigo nesse jardim, porque agora está chovendo.
    Obrigada.

    ResponderExcluir
  2. nossa q lindooo essas palavras... amei

    ResponderExcluir

"Soltava sorrisos ao vento e ouvia: Uma hora eles voltam pra você." [Vanessa Leonardi]